Guia de Óculos – OFTALMOLOGISTA: O QUE VOCÊ NÃO SABE SOBRE A CONSULTA

OFTALMOLOGISTA: O QUE VOCÊ NÃO SABE SOBRE A CONSULTA

Portrait of female optometrist at eyesight medical ophthalmology clinic 0

 

 

O oftalmologista é aquele médico que muita gente só costuma visitar quando tem problemas, né? Aquela conjuntivite chata, um terçol que incomoda, ou aquela dor de cabeça que vem de não usar direito os óculos…

 

Mas o oftalmo é um profissional que pode e deve estar mais presente na sua rotina de saúde! Pelo menos uma vez por ano é importante dar uma olhada (hehehe) em como estão os seus olhos!

 

E para relembrar a relevância desse profissional, separamos algumas coisas que você talvez não saiba sobre as consultas ao oftalmologista! Vem com a gente:

 

1 – As primeiras visitas ao oftalmologista DEVEM acontecer bem cedo:

A inaugural deve ser logo após o nascimento. Depois disso, aos seis meses, dois, quatro e seis anos – o período de alfabetização. Daí em diante, o certo é ir todos os anos!

 

2 – É muito importante incluir o profissional no seu pré-natal:

Como já falamos antes aqui no nosso Guia de Óculos, é fundamental que exista acompanhamento oftalmológico durante a gravidez. Isso ajuda tanto a mãe quanto o bebê!

 

3 – No período escolar é importante reforçar tanto as consultas quanto o hábito do cuidado visual!

Muitas crianças começam a exibir sintomas de doenças visuais durante o período escolar. Então, além de visitar o oftalmologista anualmente, é necessário reforçar o uso de óculos – se necessários – e hábitos saudáveis para a visão.

 

4 – Os adultos e idosos têm que ficar atentos com a periodicidade!

Adultos e idosos tendem a não visitar tanto o oftalmologista caso não tenham problemas visuais já detectados. Porém, a famosa “vista cansada” (presbiopia) e outras doenças podem ser prevenidas ou cuidadas com muita rapidez caso sejam diagnosticadas em fase inicial! Portanto, as visitas anuais devem sempre seguir.

Comentários

Deixe uma resposta