Cores que o olho humano não enxerga - Guia de Óculos
/Variedades

Cores que o olho humano não enxerga

Aprendemos na escola que existem apenas três cores verdadeiras: vermelho, amarelo e azul, também conhecidas como cores primárias. 

 

Quando misturadas, elas resultam em cores secundárias, que são o verde, roxo e laranja. A consequência da combinação delas são todas as cores que conseguimos ver. Porém, o que nem todo mundo sabe é que existem as cores “proibidas”, aquelas que estão além da capacidade de visão do olho humano.

 

Mas como isso acontece? As cores são formadas na nossa lente a partir de luzes, que, quando misturadas, geram outras cores. Algumas combinações não podem ser traduzidas pelos nossos olhos, graças ao que a ciência chama de “processo oponente”. Por exemplo: azul e amarelo são tonalidades com freqüências de luz distintas. Quando misturadas, vemos o verde. No entanto, existe uma cor azul amarelada, que não é entendida pelo nosso cérebro, pois o azul e amarelo se cancelam. 

 

Simplificando, ao ver a luz amarela, um grupo de células na retina entra em atividade, transmitindo ao cérebro o comando para ele enxergar o amarelo. Porém, ao ver o azul, o mesmo neurônio tem a atividade inibida, e assim enxergamos esta cor. Como as células não podem estar ativadas e desativadas ao mesmo tempo, só podemos ver uma cor ou outra. O mesmo acontece com o verde e o vermelho. Além de não conseguirmos ver, também não é possível sequer imaginar. 

 

Em 1983, dois cientistas americanos “quebraram” estas regras ao fazer um experimento com pessoas de frente a painéis pintados de verde/vermelho ou amarelo/azul. O segredo estava em um rastreador ocular que fez a distinção destas cores: dentro da retina de cada voluntário, metade das células recebia apenas a coloração verde, e outra metade das células apenas enxergava o vermelho. Isto fez com as fronteiras entre as faixas sumisse aos poucos, fazendo com que uma cor inundasse o espaço da outra. Por fim, os voluntários disseram ter observado cores que nunca haviam visto antes, que não sabiam como descrever. 

 

Esta é uma réplica dos painéis do experimento de 1983 que comprovou a existência de cores proibidas

 

Ficou curioso? Podemos torcer para que um aparelho aparelho conversor seja inventado, para que todos enxerguem estas cores proibidas algum dia. =D